Ile de Ré

Setembro/2017

Para uma pequena ilha segue um pequeno post. 

Que charme de lugar! Nós amamos conhecer essa ilha, mais do que todas ao redor de La Rochelle. Gostamos tanto que fomos 3 vezes até la. 

Para ir de carro, basta passar uma ponte através de La rochelle que o caminho já é muito bonito! quando chegar la, pode passear com o proprio carro ou escolher uma das cidadezinhas para estacionar e alugar uma bicicleta, pois há ciclovias na ilha inteirinha! Tudo plano! passando por vinhedos, produtores de ostras, cidades muradas, construções e ruínas históricas, marinas, restaurantes e lojinhas graciosas. Além das belas praias.

Comer ostras pelo caminho é obrigatório!  Há inúmeros pequenos produtores que abrem seus restaurantes informais, com mesas na varanda. Se não gostar tanto de ostras, tente experimentar essas! Se nåo tiver jeito, experimente as outras conchas, ou frutos do mar da região:

tem esses burrinhos que vivem por lá, são encantadores! Eles veem até a gente interagir. adoramos eles!

é uma ilha muito calma, pode-se dizer que ela tem um toque elegante, mas com simplicidade. Todas as casas são brancas com janelas coloridas (geralmente tons de verde ou azul). 

Se eu pudesse sugerir um passeio por ali, com certeza seria alugar uma bicicleta e dormir em um hotelzinho (em cidadezinhas diferentes) a cada dia. 

Segue algumas sugestões de hotéis na cidadezinha de St. MArtin de Ré (a mais bacaninha):

Villa Clarisse 

​L'hotel de toirs 

Le Clos st. MArtin hotel and Spa

La Baronnie